Manutenção de sacadas, fachadas e janelas


Varandas e Sacadas

A manutenção do piso e/ou teto das varandas é de responsabilidade de cada unidade (proprietários).

Porém, se comprovado que o vazamento possui como origem, por exemplo, uma tubulação vertical da rede central que serve todas as unidades, então essa responsabilidade será do condomínio, ou seja todos pagarão pelo reparo.

A manutenção das partes externas e visíveis da varanda, cabem ao condomínio.

Fachadas

Não adianta adiar a manutenção da fachada do prédio só porque a obra será custosa. Além da deterioração do patrimônio comum, o condomínio pode ser responsabilizado pelos custos de reparação dentro das unidades, caso seja comprovado que foi pela fachada que adentrou a umidade.

Em geral é o condomínio quem arca com esse tipo de custo. Para evitá-lo, é importante manter a manutenção da fachada em dia, seja com a recolocação ou substituição de pastilhas, pintura ou a feitura de um novo acabamento.

O importante é manter a umidade longe das unidades, já que são elas as causadoras das infiltrações.

Janelas

Há casos, porém, de infiltrações vindas das janelas cuja responsabilidade não é do condomínio. Por exemplo, quando há falta de manutenção das esquadrias de janelas, como borrachas, silicone ou escova. Também vale verificar se a raiz da infiltração não é a instalação incorreta de aparelhos de ar-condicionado. Quando a situação é uma dessas, a responsabilidade pela infiltração é do condômino.
Google Plus

Por Unknown

Entender Condomínio

0 comentários:

Postar um comentário